O estado da arte da Cartografia Escolar: um estudo sobre teses e dissertações no período de 2011 – 2020

Conteúdo do artigo principal

Luiz Felipe Brito Silva
https://orcid.org/0000-0002-1338-9831
Paula Cristiane Strina Juliasz
https://orcid.org/0000-0002-4820-1616

Resumo

A Cartografia Escolar no Brasil tem se constituído por meio da relação entre Cartografia, Educação e Geografia. As teorias da aprendizagem e os métodos de ensino e questões do currículo e da formação de professores são frequentemente debatidos nesse campo. Buscando contribuir com esse debate, tem-se o objetivo de produzir um inventário da produção brasileira no nível da pós-graduação em cartografia escolar no período de 2011-2020 por meio de uma análise documental, apresentando o estado da arte da produção acadêmica desse campo de pesquisa. Procura-se conhecer quantas pesquisas sobre cartografia escolar em nível de pós-graduação foram realizadas e em quais instituições, busca-se identificar as áreas de conhecimentos nos quais estão inseridas essas pesquisas e reconhecer os aportes teórico-metodológicos, os temas e segmentos da Educação Básica que são abordados nas investigações. O inventário referente a produção será organizado de acordo com as categorias: a) representação do espaço; b) metodologia de ensino; c) tecnologias e produção de materiais didáticos cartográficos; d) formação de professores e currículo. A partir da delimitação do corpus documental, concluiu-se que esse campo de pesquisa têm se consolidado cada vez mais na produção acadêmica brasileira, abordando diversos temas, direcionando seus estudos para diferentes segmentos educacionais, com destaque para o ensino fundamental; e utilizando diferentes abordagens teórico-metodológicas. Além disso, têm se caracterizado por ser interdisciplinar, por ser abordada em diferentes áreas do conhecimento. Por fim, constatou-se que as Universidades que mais produzem e publicam pesquisas sobre cartografia escolar no Brasil são: USP, UNESP e UFG.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
Silva, L., & Juliasz, P. (2023). O estado da arte da Cartografia Escolar: um estudo sobre teses e dissertações no período de 2011 – 2020. Metodologias E Aprendizado, 6, 46–63. https://doi.org/10.21166/metapre.v6i.3248
Edição
Seção
Colóquio de Cartografia para Crianças e Escolares
Biografia do Autor

Luiz Felipe Brito Silva, Universidade de São Paulo

Bacharel em Geografia pela Universidade de São Paulo (2018-2021). Atualmente cursando a graduação em Licenciatura em Geografia pela Universidade de São Paulo (2018-2022).

Paula Cristiane Strina Juliasz, Universidade de São Paulo

Professora Doutora do Departamento de Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH - USP), atuando na área de Ensino de Geografia. Ela pesquisa ensino de Geografia, noções espaciais para crianças, metodologia de ensino de Geografia e Cartografia Escolar.

Referências

ALMEIDA, R. D. DE; DE ALMEIDA, R. A. Fundamentos e perspectivas da Cartografia Escolar no Brasil. Revista Brasileira de Cartografia, Rio de Janeiro, v. 66, n. 4, p. 885-897. jul./ago. 2014. Disponível em: https://seer.ufu.br/index.php/revistabrasileiracartografia/article/view/44689. Acesso em 09. set.2021

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Edição revista e atualizada. Lisboa: Edições 70, 2009.

CAZETTA, V. As nove edições do Colóquio de Cartografia para Crianças e Escolares e suas agonísticas. Estudos Geográficos, Rio Claro, v. 16, n. 01, p. 159-179, jan./jun. 2018. DOI https://doi.org/10.5016/estgeo.v16i1.13363.

FERREIRA, N. S. A. As pesquisas denominadas “estado da arte”. Educação & Sociedade, Cad. Cedes, Campinas, v.23, n.79, ano XXIII, p. 257-272. ago. 2002. DOI: https://doi.org/10.1590/S0101-73302002000300013.

JULIASZ, P. C. S. A aprendizagem na cartografia escolar: Vigotski e Piaget. Geographia Meridionalis, Pelotas, v. 06, n. 01, p. 85-98. nov. 2021. DOI: https://doi.org/10.15210/gm.v6i1.20796.

PIAGET, J.; INHELDER, B. A representação do espaço na criança. Porto Alegre: Artes Médicas, 1993.

TAILLE, I. L; OLIVEIRA, M. K.; Dantas, H. Piaget, Vigotski, Wallon: Teorias Psicogenéticas em discussão. São Paulo: Summus, 2019.

VIGOTSKI, L. S. A construção do pensamento e da linguagem. São Paulo: Editora Martins Fontes, 2009.

VIGOTSKI, L. S; LURIA, A. R; LEONTIEV. Linguagem, Desenvolvimento e Aprendizagem. Tradução: Maria da Pena Villalobos. 11. ed. São Paulo: Ícone, 2010.