Globalização e suas intercorrências através do jogo Viagem pelo mundo globalizado

Conteúdo do artigo principal

Luiz Antonio Beuting
Eduardo Augusto Werneck Ribeiro

Resumo

O objetivo do desenvolvimento e aplicação deste plano de aula é auxiliar professores e alunos na abordagem do tema globalização, através do uso de metodologias ativas, em forma da construção e prática de um jogo de cartas. O emprego de metodologias ativas na educação, é justificado por se mostrarem capazes de despertar o interesse nos alunos, colocando-os no centro do processo de ensino-aprendizagem, aumentando sua autonomia na busca pelo conhecimento. Já o tema globalização, foi escolhido por conta de sua elevada relevância e complexidade, onde muitas vezes as metodologias tradicionais, se mostraram ineficazes em promover a sua compreensão por parte dos alunos. Ao final da execução do plano, concluiu-se que a utilização das metodologias ativas na forma do jogo, demonstrou ser uma estratégia eficaz na construção de um aprendizado significativo, onde, pôde-se perceber entusiasmo e interação por parte dos alunos, que ao final, demonstraram um maior nível de compreensão do tema proposto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
Beuting, L. A., & Ribeiro, R. (2022). Globalização e suas intercorrências através do jogo: Viagem pelo mundo globalizado. Metodologias E Aprendizado, 5, 206–211. https://doi.org/10.21166/metapre.v5i.2758
Edição
Seção
Plano de aula
Biografia do Autor

Luiz Antonio Beuting, Instituto Federal Catarinense

Professor de Geografia da rede municipal de educação do municipio de Brusque.

Discente do Mestrado em Ensino de Geografia em Rede Nacional - PROFGEO

Eduardo Augusto Werneck Ribeiro, Instituto Federal Catarinense

Docente do Mestradosem Ensino de Geografia em Rede Nacional (PROFGEO)

Referências

BERBEL, N. A. N. As metodologias ativas e a promoção da autonomia de estudantes. Semina: Ciências Sociais e Humanas, Londrina, v. 32, ed. 1, p. 25-40, jan./jun. 2011. DOI http://dx.doi.org/10.5433/1679-0383.2011v32n1p25. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/seminasoc/article/view/10326. Acesso em: 27 abr. 2022.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2017.

BREDA, T. V. Jogos geográficos na sala de aula. 1 ed. Curitiba: Appris, 2018.

FILATRO, A.; CAVALCANTI, C. C. Metodologias ativas Inov-ativas na educação presencial, a distância e corporativa. 1. ed. São Paulo: Saraiva Educação, 2018.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2002.

PAULA, M. M.; RAMA, M. A. G.; PINESSO, D. C. C. Geografia espaço & interação: 6º ao 9º ano. 1. ed. São Paulo: FTD, 2018.

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1999.