MUSEUS VIRTUAIS: ESTUDO DA VIABILIDADE DA VIRTUALIZAÇÃO DA CASA DE CULTURA LYDIA FREY

Autores

  • Luiz Leandro Fortaleza IFC
  • João Victor Moreira Soares
  • Alice de Oliveira Alves de Jesus
  • Mateus Henrique Torcato

Resumo

Com a pandemia da COVID-19 muitos museus e espaços culturais tiveram de se adequar a essa nova realidade em que o distanciamento social se torna uma questão de saúde pública. Nesse sentido, a virtualização do acervo de tais espaços pode ser uma aliada pois é possível pensar na promoção de visitas virtuais, nas quais a comunidade pode ter acesso ao espaço sem sair de casa. Para além do contexto da pandemia, a virtualização de museus também é uma oportunidade de expandir o acesso das pessoas em diferentes localizações geográficas, não ficando restrito a um único município ou região. Neste sentido, em Fraiburgo temos a Casa de Cultura Lydia Frey que em contato com a Coordenação de Extensão trouxe esta demanda para o IFC Fraiburgo. Trata-se de um projeto de extensão, tendo em vista que estreita os laços do IFC Fraiburgo com a comunidade e as possibilidades trazidas por este tipo de software impacta a comunidade como um todo. Os objetivos deste projeto podem ser resumidos como: estudar a viabilidade de digitalização ou virtualização do acervo da Casa de Cultura Lydia Frey, para isto utilizando técnicas de levantamento de requisitos, elaboração de diagramas e demais técnicas de Engenharia de Software que se façam necessárias.

Downloads

Publicado

2021-12-12

Edição

Seção

Resumos