A POLÍTICA EXTERNA BRASILEIRA NA GESTÃO DE ERNESTO ARAÚJO

UMA LEITURA A PARTIR DA GEOPOLÍTICA DE GOLBERY DO COUTO E SILVA

Autores

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo avaliar a política externa brasileira contemporânea a partir de condicionantes de longo prazo, mais especificamente de condicionantes geopolíticos. Para tanto, revisita a perspectiva geopolítica do general Golbery do Couto e Silva, cuja influência na política externa na década de 1960 promoveu um alinhamento aos Estados Unidos ao subordinar a estratégia brasileira à Defesa do Ocidente. Na política externa orientada sob a gestão de Ernesto Araújo, vemos uma lógica semelhante de subordinação estratégica aos Estados Unidos, embora sua defesa do Ocidente parta de premissas diversas. Buscamos compreender as semelhanças e diferenças quanto à leitura da realidade brasileira proposta por Golbery para avaliarmos a influência da geopolítica na política externa brasileira atual.

Biografia do Autor

André Toreli Salatino, Instituto Federal Catarinense

Professor de Geografia do Instituto Federal Catarinense campus Fraiburgo.

Downloads

Publicado

2021-12-12

Edição

Seção

Artigos