REUSETECH 2022: CONSCIENTIZAÇÃO AMBIENTAL SOBRE REUTILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA

Autores

  • Abraão Teixeira da Silva
  • Jeferson Dell Agnolo
  • Jéssica Vitória de Souza Ribeiro
  • Lohan Amâncio Ribas
  • Raí Luz Oliveira
  • Taynan Vila Nova
  • Josiney de Souza
  • Nicolas Gabriel Rosa
  • Leticia Cristina Nakasawa Kobus
  • Miguel Amaro da Silva
  • Eduardo Kohler
  • Camila Vitoria Taboni
  • Davi Lima
  • José Enrico Boni Belli

Palavras-chave:

Hardware, Conscientização, Reuso, Lixo Eletrônico

Resumo

O projeto de extensão ReuseTech atua no IFC campus Brusque desde 2016 sempre com o olhar de conscientizar a sociedade em que está inserido sobre a reutilização de equipamentos eletrônicos de informática através de mídias sociais e com o descarte correto desses equipamentos. Através da comunidade interna do campus e da sociedade local, o projeto recebe doações de equipamentos eletrônicos de informática que não estão mais em uso, de preferência, em funcionamento, para suas ações de conscientização. A partir do que é recebido, faz-se a triagem desses equipamentos usando os conhecimentos técnicos aprendidos nas disciplinas de informática dos cursos Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio e Superior de Tecnologia em Redes de Computadores do campus. O que é possível recuperar, é usado em palestras, minicursos, aulas e outras atividades de formação no campus. Quando se tem um certo número de equipamentos recebidos e recuperados, faz-se a doação para estudantes, projetos do campus e instituições externas que necessitam de apoio. Aquilo que não se recupera, é recolhido e descartado de forma correta em ecopontos da cidade ou por meio de empresas com responsabilidade social. Neste ano de 2022, o projeto já contribuiu com a escola Código Kid de Brusque, doando, para fins didáticos, peças de hardware que não puderam ser recuperadas. Outra contribuição foi a doação de uma fonte de notebook para uma estudante do Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio para ligar seu computador para seus estudos. Neste ano, o projeto fez apresentações sobre seus objetos para 60 estudantes da escola Carlos Maffezzolli (de Guabiruba), 40 estudantes da escola Germano Brandt (de Guabiruba) e 100 estudantes da escola Gregório Locks. Outras ações planejadas ainda para este ano serão: retomada das publicações em mídias sociais, apresentação em eventos, recolhimento de doações para o projeto e a realização de novas doações a instituições ou estudantes necessitados. Espera-se conscientizar a sociedade local sobre o reuso de equipamentos de informática e contribuir para o ambiente de forma sustentável.

Publicado

2023-12-20