Endorfina - a amina do bem estar

Resumo

O trabalho refere-se ao estudo da Endorfina, uma amina e hormônio que é produzida pelo próprio corpo humano. O tema surgiu através das aulas de química, em que estudamos a área da química orgânica, sendo parte do conteúdo o estudo de funções orgânicas, e amina foi uma das funções estudadas. Amina é caracterizada pela substituição de um, dois ou três hidrogênios da amônia por radicais orgânicos. Possuímos como objetivo principal do trabalho apresentar as características, curiosidades e efeitos no corpo humano causado por tal hormônio. A Endorfina é produzida pela glândula hipófise, localizada no cérebro. Diferente de outras aminas o ser humano ainda não conseguiu produzi-la artificialmente, apenas foram criados estimulantes para a liberação, possuindo um sentido diferente das outras produzidas artificialmente. No corpo humano possuem cerca de vinte diferentes tipos de endorfina, sendo a mais eficiente a beta-endorfina. É considerada um analgésico natural, além de estimular a sensação de bem-estar. Sua liberação ocorre com a prática de exercícios físicos, alguns alimentos e entre outros meios. Os efeitos causados no corpo humano são em grande maioria positivos, como por exemplo o melhoramento da memória e do humor. Um dos pontos negativos, é que pode causar dependência, porém tal fato não ocorre com frequência, o mais comum é ocorrer em atletas de alto desempenho. Dessa forma, percebe-se a importância do estudo das aminas e de compostos com tal característica.

Publicado
2019-02-04
Seção
Poster