DOENÇAS DIAGNOSTICADAS PELO LABORATÓRIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA NO QUINQUÊNIO 2013-2017

  • Christofe Carneiro
  • Claiton I. Schwertz
  • Luan C. Henker
  • Leandro A. Rhoden
  • Manoela M. Piva
  • Mateus E. Gabriel
  • Neuber J. Lucca
  • Kelen R. A. Baldi
  • Renata A. Casagrande
  • Teane M. A. Gomes
  • Ricardo E. Mendes

Resumo

Este trabalho apresenta a casuística de diagnósticos nos anos de 2013 a 2017 do Laboratório de Patologia Veterinária do IFC Campus Concórdia. Foram 865 diagnósticos em bovinos, 131 em ovinos e 367 em suínos, totalizando 1363. Destes, 1000 (80,4%) foram através de necropsias e 363 (19,6%) através de amostras formolizadas enviadas por veterinários. Em bovinos as doenças mais incidentes foram miosite clostridial com 34 casos (3,8%); babesiose com 31 casos cada (3,6%); leucose enzoótica bovina com 28 casos (3,2%); anaplasmose com 27 casos (3,1%); hemoncose com 26 casos (3,0%); intoxicação por Pteridium arachnoideumcom 26 casos (3,0%); peritonite com 23 casos (2,7%) e endocardite com 23 casos (2,7%). Já em ovinos hemoncose com 28 casos (21,4%) e suínos doença de Glässer com 27 casos (7,3%) e circovirose com 22 casos (6,0%).

Publicado
2019-03-25
Seção
Artigos